Acontece

Eventos

Faculdade Integrado realiza levantamento de dados relativos à saúde de colaboradores de cooperativa

Em posse das informações, Coamo irá avaliar medidas para prevenir os principais problemas de saúde encontrados.

Faculdade Integrado

publicado em 10/03/2017 11h59 | atualizado em 10/03/2017 12h06

Os cursos de Biomedicina e Nutrição da Faculdade Integrado foram convidados a participar do processo de avaliação de saúde dos colaboradores do parque industrial da Coamo, maior cooperativa agrícola da América Latina. O intuito é realizar um levantamento de dados de mais de 1.500 pessoas, entre funcionários e familiares dessa unidade. Com essas informações em mãos, o Fundo de Proteção à Saúde (FUPS) da cooperativa poderá realizar um diagnóstico para mapear as necessidades dos trabalhadores e, assim, elaborar um plano de prevenção e combate aos principais problemas de saúde encontrados. “O objetivo é fornecer ao FUPS uma base de dados para que o mesmo possa avaliar medidas de prevenção a serem aplicadas”, afirma Gustavo Henrique Marques, chefe de departamento da indústria de margarinas da Coamo e um dos responsáveis pela parceria com a Instituição.   

Os acadêmicos de Biomedicina, sob a supervisão de professores, estão responsáveis pelas aferições de pressão arterial e testes de glicemia casual. Segundo a coordenadora do curso, Rejane Ribas Silva, a ação possibilita a aproximação, desde cedo, entre os estudantes, a prática e a comunidade. “Houve um treinamento no laboratório para que eles pudessem desempenhar esse projeto de extensão com a Coamo”, explica a coordenadora.  

O curso de Nutrição coletou dados antropométricos, isto é, o peso, a altura e a circunferência da cintura dos participantes. Segundo a Sociedade Brasileira de Cardiologia, essa última medida não deve ultrapassar 94 cm para homens. Já nas mulheres, o número limite é de 84 cm. Quem tem uma grande concentração de gordura abdominal tem mais chance de desenvolver doenças metabólicas, como diabetes e hipertensão. A acadêmica do 5º período do curso, Lisandra Fonseca Borges, 19 anos, aproveitou a oportunidade para aplicar as teorias estudadas na disciplina de avaliação nutricional. “É importante participar para adquirir mais conhecimento, saber como realmente funciona”, acrescenta. 

Mário Smaha, 46 anos, operador de máquinas da fiação, trabalha na Coamo há 23 anos. Durante a semana, ele e sua esposa, Simone, participaram dos atendimentos necessários para a avaliação de saúde. “É interessante para sabermos se há algum problema”, comenta.

Sobre a parceria firmada entre a Faculdade Integrado e a Coamo, Gustavo Henrique é só elogios. “Com esse auxílio, estamos tranquilos no objetivo que queremos atingir: o alcance de 100% dos funcionários e familiares acima de 15 anos. São estudantes bem treinados, capacitados, dando segurança para nós sobre os dados que estão sendo coletados”, ressalta. Os atendimentos acontecem até 23 de março.