Acontece

Eventos

Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Faculdade Integrado completa 15 anos

Em evento comemorativo, egressos, acadêmicos e docentes relembraram histórias.

Faculdade Integrado

publicado em 01/12/2016 10h00 | atualizado em 01/12/2016 15h58

Em 10 de outubro de 2016, o Grupo Educacional Integrado completou três décadas. Nesse mesmo ano, o curso de Ciências Biológicas (licenciatura) da Faculdade Integrado comemorou 15 anos de existência. São mais de 400 biólogos formados pela Instituição, que atuam em diferentes estados do país, nas áreas de educação, saúde, meio ambiente, biotecnologia e produção.     

Na última sexta-feira (25), foi organizado, no auditório do câmpus da Instituição, um encontro para celebrar a data. O momento foi de homenagens à atual coordenadora do curso, Francielle Baptista; aos egressos da 1ª e de outras turmas; ao corpo docente e, por fim, aos acadêmicos. “Esse evento foi organizado pelos professores com muito carinho. Estamos felizes com a presença de pessoas que não víamos há algum tempo”, comentou, emocionada, a coordenadora do curso. Os presentes também assistiram a um vídeo com as fotos enviadas por estudantes que passaram pelo curso.    

Na ocasião, o biólogo Paulo Custódio de Oliveira, juntamente com alguns músicos, realizou uma apresentação de saxofone. Posteriormente, o egresso Roger Paulo Mormul, que desenvolveu dois pós-doutorados entre os anos de 2011 e 2014, proferiu a palestra “As invasões biológicas e seus efeitos sobre a biodiversidade”. Segundo Roger, muitos animais que são trazidos de outros países para o Brasil causam vários problemas ecológicos e econômicos. “É o caso de algumas espécies de mexilhões que se aderem às turbinas de usinas hidrelétricas. Por isso, é necessário parar a produção de energia para remover esses animais, causando prejuízos”, explicou. Quando o assunto é a Faculdade Integrado, Roger é só elogios. “O curso, o quadro de professores e a infraestrutura foram excelentes. Também tive oportunidades relacionadas às práticas extraclasses que me ajudaram muito, como o estágio no Laboratório de Zoologia e Botânica. Isso me impulsionou a fazer meu mestrado e doutorado na área de interação entre inseto e planta”, concluiu o egresso. A noite terminou com um coquetel.